5.10.2006

quando entrou em casa

e subiu ao quarto, desabou como uma árvore decepada a golpes de machado.
não dormiu. a luz daquela casa era a única acesa do povoado.


Paul Williamson

tanta vergonha sentia agora de si própria. da sua ingenuidade. no fundo sentia-se culpada por se ter deixado cair na teia da aranha.

- mas o olhar dele e as palavras... era tão carinhoso.

ainda os fios macios e pegajosos a colar-se-lhe ao corpo, quente de desejo.

a raiva essa ia e vinha como a brisa da montanha

José Marafona

mas teria ela mesmo acreditado, sempre? não. recorda a contragosto as promessas não cumpridas. as esperas e as justificações pouco convincentes que chegavam muito tarde. sim, já duvidara. mas ela queria tanto acreditar!

um lobo uiva. o vento traz-lhe o som desde a montanha.

- eu não quero ir-me embora. mas ele era a única hipótese de partir e poder cá voltar.

a minha mãe diz que quem saiu deste canto da serra nunca mais regressou.
é a maldição do lobo cinzento, diziam os avós dela, para quem o deixa para trás
.


Mark Dodge & Vicki Dodge

o lobo uiva de novo e ela não se controla e grita para os montes:

- eu vou, mas contigo ou sem ti , eu hei-de cá voltar!

(segue)

7 Comentários:

Blogger noite disse...

As vezes deixamo nos enredar conscientemente pela propria teia. Alias muitas vezes acho que sem intenção acabamos por ajudar a tece la

12:48 AM  
Blogger BlueShell disse...

Cativaste-me! Fico à espera do resto.

Grande e sentido abraço
BShell
ºoºoºoºoºoºoºoºoºoºoºoºoº
º0º0ºº0º0º0º0º0º00º0º0º0
^º^º^º^º^º^º^º^º^º^º^º^º

8:00 PM  
Blogger PiresF disse...

As lendas metamórphosis são sempre cativantes.
Com interesse, esperarei pela continuação.

11:29 PM  
Blogger nunocavaco disse...

Também gostei.

12:21 AM  
Blogger Bill disse...

Ola.

Adorei a forma como escreves, cheguei aqui no rastro do amigo Pires que sempre me leva a lugares magicos, creio ter encontrado mais um.

"- eu vou, mas contigo ou sem ti ,eu hei-de cá voltar!"

Perfeito, levo comigo essa frase e volto sempre.

Abraços

[s]s

3:45 AM  
Blogger Dark Side disse...

Deixaste-me a aguardar o próximo capítulo. Estou a gostar da história.
Fice bem!

7:49 AM  
Blogger Um outro olhar disse...

gostei

consciente ou inconscientemente muitas vezes enredamo-nos na teia

:)

6:52 PM  

Post a Comment

<< Home